CUIABÁ

MULHER

Claudia Ohana partilha foto sem make: “Aquele estilo brejeira que eu adoro”

Publicados

em


source
Claudia Ohana
Reprodução/Instagram

Claudia Ohana

Claudia Ohana , 58 anos, compartilhou uma foto do jeito que ela gosta, segundo a própria legenda. “Aquele estilo brejeira que eu adoro!!! Pé descalço, Sol, Flor no cabelo”, escreveu a atriz, de  cara limpacabelos naturais. No momento, Claudia viaja o país com a peça “Parabéns Sr. Presidente – In Concert” – onde é retratado o encontro entre Maria Callas e Marylin Monroe, em 1962. 

Claudia interpreta Maria Callas e Juliana Knust divide o palco na pele da diva hollywoodiana. Atualmente no Rio de Janeiro, onde tem sessão neste domingo (27), no Teatro dos Grandes Autores, o espetáculo fará curta temporada em Porto Alegre (7 e 8 de dezembro). O texto é de Fernando Duarte e Rita Elmôr, com música original de Maíra Freitas e direção de Fernando Philbert.


Fonte: IG Mulher

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Doces e salgadas: 10 receitas fáceis para fazer no feriado
Propaganda

MULHER

Merkel escolhe música de ícone punk, para deixar seu cargo após 16 anos

Publicados

em


source
Angela Merkel deixa seu cargo e escolhe três músicas para sua despedida
Reprodução

Angela Merkel deixa seu cargo e escolhe três músicas para sua despedida

Angela Merkel está deixando seu cargo de chanceler federal da Alemanha, depois de 16 anos na posição mais importante do país, e nessa ocasião, será realizada na noite desta quinta-feira (2/12) uma cerimônia em sua homenagem.

E como ocorreu com seus antecessores, Merkel escolheu três canções para a banda militar tocar na chamada Großer Zapfenstreich, a cerimônia militar mais importante da Alemanha, que inclui uma procissão de soldados carregando tochas, tocando músicas e marchando.

As músicas escolhidas

O hino cristão do século 18, Großer Gott, wir loben dich (“Santo Deus, Louvamos o Teu Nome”);

A canção popular da cantora alemã Hildegard Knef, Für mich, soll’s rote Rosen regnen (“Devem chover rosas vermelhas para mim”) uma música fortes, com letra com versos como “Eu quero tudo ou nada”.

E a última, que deixou todos surpreendidos, é o sucesso cantado pela roqueira punk Nina Hagen, Du hast den Farbfilm vergessen (“Você esqueceu o filme colorido”).

Leia Também:  7 passos para alcançar o autoconhecimento

Leia Também

Nina Hagen tornou-se um ícone punk da Alemanha Ocidental após a queda do Muro de Berlim.

De acordo com o Deutsche Welle, é uma escolha musical ímpar, pois Merkel raramente refere-se à sua criação na Alemanha Oriental, na cidade de Templin, região de Brandemburgo. Na sua juventude, ela ouviu a canção na qual Hagen reclama com seu namorado por ele ter trazido apenas um filme preto e branco para as suas férias.

Foi um sucesso tão grande na época que muitos que viviam na antiga Alemanha Oriental ainda se lembram da letra, especialmente da famosa frase: “Ninguém irá acreditar em como aqui era lindo”.

Embora não tenha sido censurada pelo governo, a canção foi amplamente interpretada como uma crítica à comunista República Democrática Alemã, onde o filme colorido era uma mercadoria rara.

Fonte: IG Mulher

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

PICANTES

MAIS LIDAS DA SEMANA