CUIABÁ

MATO GROSSO

Curso de Policiamento Ambiental da PM começa nesta segunda-feira (18)

Publicados

em


A Polícia Militar realizará, nesta segunda- feira (18.10), a aula inaugural do 4º Curso de Policiamento Ambiental, às 14 horas, no auditório da Controladoria-Geral do Estado (CGE), no Centro Político Administrativo, na Capital. Ao todo, 39 alunos participarão do curso, que tem como objetivo capacitar policiais militares das unidades do Batalhão de Proteção Ambiental. Os alunos participantes terão acesso a conteúdos como legislação ambiental, técnicas e táticas voltadas para o policiamento ambiental. 

A aula inaugural contará com a presença do comandante-geral da PM, coronel Jonildo José de Assis, e do desembargador do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, José Zuquim Nogueira, que abrirá o curso com a palestra “A importância da razoabilidade na atuação da Polícia nas questões ambientais: uma visão jurisdicional”.

Nesta 4º edição, o curso conta com a participação de policiais de Mato Grosso e do Estado Paraíba. A capacitação terá a duração de oito semanas e é ministrada pela equipe do Batalhão da Polícia Militar de Proteção Ambiental. 

Serviço

Aula inaugural do 4º Curso de Policiamento Ambiental da PMMT

Leia Também:  Programa de compra de alimentos de pequenos produtores auxilia famílias carentes em Poconé

Data e hora: Segunda-feira (18.10), às 14h

Local: auditório da CGE, Centro Político Administrativo

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Quinta-feira (02): Mato Grosso registra 553.230 casos e 14.002 óbitos por Covid-19

Publicados

em


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta quinta-feira (02.12), 553.230 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 14.002 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 205 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 553.230 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 1.363 estão em isolamento domiciliar e 537.375 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 41 internações em UTIs públicas e 20 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 23,03% para UTIs adulto e em 4% para enfermaria adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (114.333), Várzea Grande (41.917), Rondonópolis (38.536), Sinop (26.832), Sorriso (18.604), Tangará da Serra (17.870), Lucas do Rio Verde (15.780), Primavera do Leste (14.871), Cáceres (12.022) e Alta Floresta (11.369).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Leia Também:  Escola de Saúde Pública capacita agentes comunitários no enfrentamento à Covid-19

O documento ainda aponta que um total de 402.742 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, não restam amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na quarta-feira (1º.12), o Governo Federal confirmou o total de 22.105.872 casos da Covid-19 no Brasil e 614.964 óbitos oriundos da doença. Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados desta quinta-feira (02.12).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

Leia Também:  Semana de Política sobre Drogas aborda desafios do atendimento ao usuário em tempos de crise sanitária

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

PICANTES

MAIS LIDAS DA SEMANA