CUIABÁ

MATO GROSSO

Conheça os vencedores da primeira ‘Maratona HACKAMT’ de Soluções Tecnológicas

Publicados

em


Após 48 horas de desafios, a equipe MT Lab conquistou o primeiro lugar no HACKAMT 2021, a primeira Maratona de Soluções Inovadoras para o Setor Público, promovida pelo Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECITECI). Os desafios tiveram início na sexta-feira (15.10) e seguiram durante todo final de semana, no Shopping Goiabeiras, em Cuiabá.

Os profissionais Ighor Bastos, Carol Franquini e Gabriel Alcântara Cardoso tiveram o desafio de promover a Comunicação Direta com o Ecossistema de Inovação. Como resposta, a equipe propôs a construção de um ambiente tecnológico capaz de reunir a demanda da sociedade por inovações e serviços, e conectá-la a oferta de tecnologia gerada entre os parceiros do Parque Tecnológico Mato Grosso. A solução rendeu à equipe bolsas no valor de R$ 108 mil, que será aplicada no desenvolvimento da proposta.

Em segundo lugar, a equipe Asset Control formada pelos profissionais Eduardo Pereira, Rodrigo Benasse, Flávia Oliveira e Alexi Alberto levou R$ 72 mil com a proposta de um software que será responsável pelo Gerenciamento dos Bens Patrimoniais da SECITECI.   

Leia Também:  Mato Grosso é o Estado que tem o menor ICMS dos combustíveis do Brasil

A terceira posição ficou com a Edutec, que faturou R$ 36 mil. A equipe inovou ao propor uma ferramenta de integração para o desafio de Comunicação e Interação entre Escola e Alunos da Educação Profissional Tecnológica da SECITECI. O grupo é integrado pelo gestor pedagógico Valdemar Almeida, os estagiários João Ritter (Engenharia da Computação) e Mauro Delmondes (Sistemas de Informação) e o estudante do 9º ano do ensino fundamental Isaac Pelegrini, que participou como ouvinte.

No total, o Governo do Estado investirá R$ 216 mil em premiação. Os valores serão convertidos no financiamento de Bolsas de Desenvolvimento Tecnológico (BDT), que deverão ser aplicados exclusiva no desenvolvimento das propostas.

A Maratona HACKAMT reuniu profissionais e estudantes de diversas áreas do conhecimento, que divididos em grupos, tiveram como desafio a construção de soluções inovadoras nas áreas de ciência, tecnologia e inovação, ligadas diretamente na resolução de questões relacionadas ao dia a dia do setor público.

O evento é uma promoção da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), MT Ciências, Parque Tecnológico Mato Grosso, Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat), em parceria com a Empresa Mato-grossense de Tecnologia da Informação (MTI) e Shopping Goiabeiras. 

Leia Também:  Governo de Mato Grosso não tem poder para alterar regra do Confaz sobre ICMS da energia solar
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Quinta-feira (02): Mato Grosso registra 553.230 casos e 14.002 óbitos por Covid-19

Publicados

em


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta quinta-feira (02.12), 553.230 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 14.002 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 205 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 553.230 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 1.363 estão em isolamento domiciliar e 537.375 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 41 internações em UTIs públicas e 20 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 23,03% para UTIs adulto e em 4% para enfermaria adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (114.333), Várzea Grande (41.917), Rondonópolis (38.536), Sinop (26.832), Sorriso (18.604), Tangará da Serra (17.870), Lucas do Rio Verde (15.780), Primavera do Leste (14.871), Cáceres (12.022) e Alta Floresta (11.369).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Leia Também:  Programa Longevidade MTPrev continua nesta terça-feira (09) no Parque das Águas

O documento ainda aponta que um total de 402.742 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, não restam amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na quarta-feira (1º.12), o Governo Federal confirmou o total de 22.105.872 casos da Covid-19 no Brasil e 614.964 óbitos oriundos da doença. Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados desta quinta-feira (02.12).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

Leia Também:  Mato Grosso é o Estado que tem o menor ICMS dos combustíveis do Brasil

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

PICANTES

MAIS LIDAS DA SEMANA